O governo pode ter usado R$ 62,3 bilhões só para comprar votos
Assine essa petição pedindo pela CPI do Bolsolão. Esse escândalo precisa ser investigado!




O governo distribuiu mais de R$62,3 BILHÕES pra deputados e senadores, e ninguém sabe o que foi feito com esse dinheiro. Num momento em que milhares de brasileiros correm o risco de morrer de fome e Bolsonaro diz que não há dinheiro para NADA, 3 bilhões de reais podem estar quentinhos no bolso de alguns políticos.

É isso mesmo que você leu: há graves suspeitas que esses recursos foram usados para comprar votos de parlamentares. Esse pode ser o caso mais grave de corrupção em compra de votos da história do Brasil.

Foi assim que Bolsonaro se livrou do impeachment! E não tem ninguém investigando.

Assine e compartilhe essa petição para pressionar parlamentares a abrir uma CPI para investigar o caso do Bolsolão.
MOBILIZE-SE
PELO WHATSAPP
MEMES





































ENTENDA O BOLSOLÃO

Uma lei de 2020 criou um negócio chamado de “emenda do relator”, que permite que políticos usem como bem entenderem uma quantidade x do dinheiro da União. Esse gasto de dinheiro público não é nada transparente: é quase impossível a gente saber quem pegou o dinheiro e como ele foi gasto.






Foi assim que nasceu o tal do “orçamento secreto”: ele é essa parcela de dinheiro que fica separada pros deputados e senadores poderem pegar e usar sem ter que explicar nada pra ninguém. Mais de 3 BILHÕES de reais foram gastos assim, e há suspeitas que esse dinheiro serviu para comprar votos de parlamentares, para eles aprovarem os interesses do governo.
NOTÍCIAS IMPORTANTES

Na gestão do atual presidente os congressistas apresentaram R$ 20,7 bilhões em emendas de relator por ano em média, já considerada a inflação no período.
Fonte: UOL
Segundo o Estadão, valor oferecido por interlocutores do Palácio do Planalto pelo voto de cada parlamentar na PEC dos precatórios foi de até R$ 15 milhões
Fonte: Estado de Minas
As emendas do relator são usadas para oferecer a parlamentares o envio de recursos para suas bases eleitorais, sem nenhuma transparência, em troca de apoio em votações de interesse do governo.
Fonte: Congresso Em Foco
QUEM SOMOS
Caso sua organização, movimento ou coletivo queira apoiar essa campanha, escreva para cpidobolsolao@gmail.com



Associação  Comunicação e RedeCriado por Associação Comunicação e Rede usando o BONDE